Mulher Estás Livre - Parte 1

1 Comments
Quem nunca se sentiu assim, como se estivesse enlinhada, amarrada, e impedida de caminhar, presa por uma situação ou circunstância? Imagino que àquela mulher que tinha uma doença que a deixava encurvada se sentia assim:
"Estava Jesus ensinando na sinagoga em um sábado. Havia ali uma mulher que, há dezoito anos, era possessa de um espírito que a detinha doente: andava curvada e não podia absolutamente erguer-se. Ao vê-la, Jesus a chamou e disse-lhe: Mulher estás livre da tua doença. Impôs-lhe as mãos e no mesmo instante ela se endireitou, glorificando a Deus." ( Lc 13.10-17)


 Esta mulher há dezoito anos andava corcunda, olhando apenas para o chão. Ela não olhava para frente, para o horizonte e muito menos para cima, ela já não podia erguer a cabeça e nem andar de cabeça erguida, pois ela estava 'presa' por uma enfermidade. 
Quantas vezes o adversário da nossa alma, quer nos prender, quer nos deter, nos impedir de sermos livre para adorar ao Senhor.
Aquela mulher vivia presa em cadeias espirituais, a origem da sua doença era espiritual, mas chegou o dia, em que ela encontrou a Jesus, e Ele a libertou de suas prisões.

"O espírito do Senhor DEUS está sobre mim; porque o SENHOR me ungiu, para pregar boas novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos;" (Is 61.1)

 Esta é a missão do filho de Deus - proclamar liberdade aos cativos, e abrir as cadeias e as prisões aos presos.

Era sábado, o Senhor estava ensinando na sinagoga.Creio que as sua palavras ferviam os corações ali presentes.
Mas de repente ele parou, e deu uma pausa em seu sermão. Mas o que faria o mestre parar? Porque Ele parou quando todos estavam ansiosos por sua palavra? Ele parou ao ver o sofrimento de uma mulher

Creio que jamais havia chegado ao coração ou ao pensamento daquela mulher, que alguém se importaria com ela, a ponto de parar um sermão. Imagino o quanto ela ficou surpresa ao ser chamada por Jesus. Não sei quantas pessoas estavam na sinagoga naquele dia, não sei quantos enfermos estavam ali, mas foi aquela mulher curvada que fez Jesus parar, pois tinha chegado ‘a sua vez’. Tinha chegado a sua vez de ser liberta, de ser livre das correntes, dos laços do adversário. Jesus estava ali  para a libertar dos laços do passarinheiro (Sl 91.3), e está com você, para te fazer uma mulher livre. 
Jesus parou e chamou àquela mulher, e quando ela se aproximou ele disse: “ Mulher estás livre da tua enfermidade”.( ver Lc.13.12). Jesus não mudou. Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente, Ele ainda para diante do seu sofrimento.Ele ainda se importa com você. Ele quer te libertar das prisões da insegurança,  do medo,  da angustia, da decepção, fazendo-a andar de cabeça baixa. O Senhor quer te libertar de tudo aquilo que te traz sofrimento. Somente creia no poder libertador de Jesus, pois " Se o filho de Deus vos libertar, verdadeiramente sereis livre" ( Jo 8.36) e seja livre para viver tudo o que Deus preparou para você.


Adriana de Paula



Um comentário:

  1. OLÁ QUERIDA ADRIANA BOM DIA!!!PASSEI PARA TE DEIXAR UM GRANDE ABRAÇO E BEIJOS,E DESEJAR UMA SEMANA ABENÇOADA.FICA COM A PAZ DO SENHOR JESUS.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.